SIM eu me Importo - Colômbia

SIM eu me Importo - Colômbia

Publicado em 02/04/2018

Compartilhe

COLÔMBIA

Colômbia é um país com grande diversidade sociocultural e tradicional. Sua população é de 47milhões de habitantes com uma grande diversidade étnica e racial. Durante anos a Colômbia esteve sob o jugo de escravidão dos colonizadores espanhóis, servindo como porto mercantil tanto de alimentos como de escravos, recebendo assim pessoas de diferentes países e culturas no período colonial.

Atualmente a Colômbia é um dos quatro países mais açoitados pelo conflito armado na América Latina, tem um dos grupos terroristas mais ricos do mundo, trazendo como consequência um alto índice de medo e insegurança entre seus habitantes. Essa facção criminosa ocupa grande parte do território colombiano, conflitante com outras organizações criminosas.

Um dos atos mais recentes, registrado no mês de fevereiro de 2018, refere-se a ataques registrados por grupos terroristas, que ocorreram na cidade de Barranquilla, na parte norte da Colômbia, com três ataques terroristas executados e cinco tentativas controladas pela polícia. Outro ataque aconteceu na cidade de Bogotá, no interior do país, onde foi registrada uma explosão e a presença de pessoas armadas, com isto desencadeando o caos dentro de um setor da cidade. Estes dados são destacados para mostrar a magnitude do conflito que impede trazer paz e tranquilidade neste momento para a população colombiana.

Além da violência entre facções criminosas, tem a disseminação de doenças sexualmente transmissíveis. Uma problemática crescente no país.

A prática da prostituição aumentou de maneira considerável, dando lugar à criação de uma indústria da prostituição, na qual homens e mulheres são negociados, em particular, como se fossem um produto da cesta básica da família, o que provocou um crescimento descontrolado e a proliferação deste comportamento imoral.

 

PROBLEMAS SOCIAIS E MANUTENÇÃO BÁSICA:

Os problemas sociais e a manutenção básica dentro das famílias e lares, a cada dia estão em declínio, devido ao crescimento desproporcional da população e falta de educação em alguns desses setores da população. Entre outros fatores está a falta de oportunidade de emprego. Em muitos domicílios não há sequer a manutenção básica mínima para crianças e jovens com recursos escassos; existe um alto índice da população colombiana na pobreza e outro pequeno grupo em extrema pobreza. Nenhum projeto de solução é gerado para tratamento e melhoria dessas condições de vida.

A desigualdade na população da Colômbia é muito grande, a categorização das classes elitistas é muito marcante, onde aquele que é rico, todos os dias se torna mais rico, e o que é pobre, a cada dia torna-se mais pobre.

Diante desses desafios, está a nossa Igreja. A igreja na Colômbia tem desempenhado um papel fundamental no estabelecimento dos valores e fundamentos da família, além do fundamento doutrinário de Cristo.  Para isso, tem trabalhado para cumprir o mandato de Jesus Cristo para ir e fazer discípulos em todas as nações.

Nosso maior desafio, e é o que ocorre na maioria das frentes missionárias, é a falta de trabalhadores para a grande seara. Precisamos de trabalhadores treinados e dispostos a levar a mensagem da salvação para a Colômbia.

A ICPI na Colômbia tem nove igrejas que estão estabelecidas na cidade de Barranquilla, no norte da desse país.  Ela é presidida pelo Pastor Carlos Crespo e sua esposa Carmen Ricardo.

E nosso foco tem sido a implantação da Visão Atos 2020 para que possamos cumprir o chamado do Senhor para a Colômbia.

Com fé e esperança continuamos trabalhando a favor do Reino através da ICPI.